sexta-feira, 6 de setembro de 2013

O dia-a-dia e as primeiras birras



A primeira semana com sopas está a chegar ao fim e não tem sido fácil... Tenho feito a ementa de três em três dias, "religiosamente", procurando identificar os gostos da menina da mamã... Mas a bebé é uma audiência difícil de satisfazer.
Quando se começa a aproximar a hora do almoço, começa o stress: a pequenina tem de dormir, pois se tem sono, não come... Nem que seja uma meia hora para tirar uma soneca... Depois, se dormir demais e ficar com muita fome, faz birra pois a sopa não é leitinho, nem segue à mesma velocidade... A mamã desdobra-se em "macacadas", com cantoria, dança e caretas, um verdadeiro "one woman show"... Sem grande sucesso.
No entanto, descobri uma diversão, um mínimo do Gru, o maldisposto, que o primo da menina da mamã ofereceu, depois de ter comido a sua happy meal. As gargalhadas do boneco deixam a bebé contente e lá come melhor a sopa!
Os momentos de dormir têm sido também complicados: onde antes reinava uma calma relativa, agora há choro quase inconsolável, gritos e um espernear forte.
São novas rotinas para todos, cá em casa e vamos adaptar-nos, mais depressa ou mais devagar!



2 comentários:

  1. O que tem de ser tem muita força. Mas que é durinho, é...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A menina da mamã sempre teve bastante apetite no que respeitava ao leite e eu esperava que se mantivesse com as sopinhas... Quem sabe, talvez com o tempo venha a ser uma fã de sopa ;)

      Eliminar

Todos os comentários estão sujeitos a moderação, pelo que após a mesma, serão publicados