quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Olhares Maternos sobre o Natal - Mariana Melo Pessoa



Mariana Melo Pessoa

























Encerramos, hoje, o nosso espaço Olhares Maternos sobre o Natal, com uma mamã muito especial!

Herdeira de tradições familiares de vários pontos do nosso país, juntou às mesmas as tradições holandesas do seu marido.
Durante a gravidez da sua primeira filha e ainda durante o período que viveu além fronteiras, nasceu também a inspiração para um projecto: um site que reunisse a mais variada informação e serviços para crianças, com sugestões de actividades em família, ou seja, um verdadeiro guidebook para mamãs e papás! Assim, foi criada a Pumpkin, que é já uma referência tanto para pais, como para filhos - "Um site para famílias felizes :)"
Deixem-se conduzir pela mão de Mariana Melo Pessoa até ao nosso destino - o Natal!


 - Qual o significado do Natal para si?

Eu adoro o Natal - para mim é muito especial. Sempre foi, em criança vivia imenso toda a celebração, adorava preparar presentes para todos, adorava a antecipação da noite de Natal. Agora, com as minhas filhas, vivo com elas todo o deslumbramento da inocência, acreditando no Pai Natal, e ainda me sabe melhor.
Tem ainda outro significado muito especial - o meu pai vivia imenso o Natal. Tínhamos com ele uma série de rituais - íamos apanhar a árvore (vivíamos no Alentejo entrem imensos pinhais), que decorávamos ao som de músicas de Natal, íamos cantando todos juntos a caminho dos meus avós... e nesta época lembro-me imenso dele e sinto a sua presença ainda mais do que no resto do ano.

- Quais as vossas tradições familiares desta época?

Nós esperamos pelo dia 5 de Dezembro para começar a celebração - é o dia de Sinterklaas (São Nicolau), celebrado na Holanda e que comemoramos com o meu marido que é holandês.
Depois, escolhemos uma árvore de Natal (verdadeira, porque adoro o perfume das árvores verdadeiras) e decoramos a árvore e o presépio todos juntos, com chapéus de Pai Natal e hastes de renas com guizos na cabeça, ao som de músicas de Natal.
Fazemos enfeites para a casa, preparamos presentes para oferecer à família e vamos em crescendo até à véspera de Natal, que passamos em casa da minha avó, com toda a família (mais de 30).
É um banquete sem fim, em que cada família traz as suas receitas preferidas, e em que os miúdos nem comem nada com a excitação.
Depois do jantar, reunimos todas as crianças num quarto a cantar canções de Natal até que se ouve o sino do Pai Natal e todos corremos para a sala, onde encontramos um monte de presentes e o Pai Natal, que está à espera para oferecer alguns presentes aos mais pequenos. É o delírio.


- O Natal e as crianças: como mãe duas meninas, como é que elas vivem esta quadra?

Elas deliram, adoram! Andam excitadíssimas cada vez que vêem um Pai Natal pendurado numa varanda ou numa loja, cantam as canções que aprendem na escola, fazem desenhos e colagens sobre o Natal, e quando chega à vespera de Natal, estão no céu!

- As férias de Natal proporcionam momentos muito felizes em família, mas nem sempre é fácil escolher "programas". Que actividades "clássicas" nos pode propor a Pumpkin? 

Há imensos programas giros, e uma ideia que vamos abraçar é fazer um calendário de advento com actividades giras para fazer, para além das guloseimas da praxe (podem ver exemplos aqui ). Assim, criamos a expectativa na família toda e enchemos cada dia de magia.
Este ano, fomos pela primeira vez ao cinema todos juntos, ver um filme de Natal e elas adoraram. Estão em cena por exemplo o Frozen - Reino do Gelo,  A Revolta dos PerusNIKO e o Pequeno Traquinas.
Todos os anos, adoramos ir a Óbidos e este ano estamos cheios de vontade de ir à Aldeia Natal, no Parque Eduardo VII.
Esta é a altura do ano para ir ao Circo, e este ano há imensas feiras de diversão que toda a família adora- como a Feira Popular e a FIL Diverlândia , em Lisboa.
Deve ser também muito especial ir nesta altura ver um bailado ou uma peça de teatro.
Na Pumpkin podem encontrar imensas sugestões (podem ver em  Atividades em familia no natal)

- Presentes: quais as suas sugestões?

Para as miúdas, escolhemos um presente especial, que o Pai Natal deixa na nossa casa, para ser saboreado com calma. 
Para a família mais próxima, oferecemos fotografias - e todos os anos fazemos uma sessão de fotografia para ficar de recordação. Depois fazemos um calendário e oferecemos às avós.
Oferecemos sempre presentes feitos por nós aos amigos e tios - já fizemos bolachas, trufas de chocolate, estrelas de chocolate branco com groselhas... Este ano, temos umas formas natalícias para estrear.
Temos algumas sugestões de presentes feitos em casa aqui: sugestoes-de-presentes-caseiros

- Uma receita natalícia (um sabor que não possa faltar na ceia ou uma receita para partilhar)

Na ceia de Natal, temos sempre um doce obrigatório. Chama-se Pudim do Faial e é feito pela minha querida avó que é a melhor cozinheira do mundo. 
É muito doce, mas delicioso.
O Frank faz “oliebolen”, que são parecidos com os nossos sonhos, mas levam passas e maçã embebida em vinho do Porto - uma delícia e uma excelente tradição luso-holandesa para mantermos.




Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos os comentários estão sujeitos a moderação, pelo que após a mesma, serão publicados